sexta-feira, 25 de março de 2016

Avistamento OVNI Angola 1964

Relato interessante sobre um ovni em plena guerra colonial.
Com a participação de Francisco Corrêa da Exopolitic Portugal e o próprio autor da ocorrência Capitão Marques Ferreira...


OVNI filmado sobre Hanover - Alemanha 21-Mar-2016!


Eis um novo vídeo de um objeto anómalo / ORB que esteve pairando o céu noturno acima Hanôver "Alemanha" no rio Leine, a capital do estado federal de Baixa Saxónia. 
Isto aconteceu na noite 21 de março de 2016.

As especulações variam sobre a origem do fenómeno, a qualidade apresentada no vídeo não permite ter uma perspetiva do que realmente foi registado, sendo apenas possível observar um objecto circular que na sua parte final parece se multiplicar!
Os comentários no You Tube e redes sociais variam e deixam algumas dúvidas.
Porem muitos acreditam e defendem que não é a primeira vez que naquele local são observados estranhos fenómenos luminosos.


quinta-feira, 24 de março de 2016

JOGADOR DA "NFL" RELATA APARIÇÃO DE OVNI

Não é uma coisa extremamente incomum celebridades falarem sobre terem tido encontros com Objetos Voadores Não Identificados (OVNIs) ou terem os visto no céu.

Aaron Rodgers, quarterback do Green Bay Packers, se juntou a esse time e também relatou uma história sobre ter avistado um OVNI na região do estado americano de Nova Jersey.

Aaron Rodgers

A história, segundo o QB dos Packers teria acontecido a fevereiro de 2005, após uma gravação de um programa da ESPN norte-americana e durante uma visita a um ex-companheiro de universidade na Califórnia, Steve Levy.

O jogador relatou ter ouvido uma sirene tocar após o jantar.
Quando ele, Levy e o irmão do colega foram ver o que era, teriam visto um ‘objeto cor de laranja’ se mover pelo céu naquele momento, de acordo com a página da liga.
Era um objeto laranja, enorme, que se movia da esquerda para a direita. Estava nublado e nevava, mas você conseguia vê-lo (o tal OVNI) por trás das nuvens.
Era grande, e se movia pelo céu da esquerda para direita.
Depois, desapareceu e olhamos um para o outro e pensamos: que p… era aquela?”, afirmou Rodgers ao podcast
O jogador também relatou ter ouvido o som de aviões de guerra próximos do local, o que, para ele, sinalizou que ele teria visto mesmo um OVNI no céu naquele momento.
Se você conhece sobre aparições de OVNis ou pesquisou sobre eles. sabe que em várias ocasiões, duas coisas são sempre conectadas com eles.
Uma delas é a presença de aviões de guerra e outra que muitas delas ocorrem perto de centrais nucleares.

Juntando com tudo isto, o alarme que ouvimos a alguns quilômetros era o de uma central nuclear cujo alarme havia sido disparado”, finalizou o QB.

terça-feira, 22 de março de 2016

Aldeia do Algoso-Vimioso julga ter visto ovni que ateou incêndio


Este acontecimento decorreu no ano 2004 e ainda aguarda muitas especulações por parte da população de Algoso, Vimioso, que ficou assustada, quando viu dois objectos luminosos "vermelho escuro" surgirem nos céus da aldeia. 

Pouco depois, um deles desintegrou-se e o outro caiu num lameiro, nas traseiras do cemitério, provocando um pequeno incêndio, que de imediato foi extinto.
Perante a presença do desconhecido, a população ficou em sobressalto e os sinos tocaram a rebate. 
E as teorias populares variam. 
Uns presenciaram "um fogo que ardia em círculo e que consumiu uma dezena de metros de mato". Outros não têm dúvidas que viram ovnis, já que, na área ardida, dizem ter visto "um objecto metálico, do tamanho de uma moeda, preso a um cordão que não foi consumido pelas chamas". 
Outros ainda dizem ter ouvido um barulho "semelhante ao lançamento de fogo-de-artifício, seguido de um intenso clarão".

Maria Olívia Vaz, proprietária de um café na aldeia, diz ter visto duas luzes tão grandes que, quando tentou olhar para elas, ficou "com as vistas afectadas". 
Receosa que os objectos caíssem em cima de casa, gritou, provocando pânico entre os clientes que se encontravam na esplanada e que presenciavam igualmente o fenómeno. 
Anabela Martins conseguiu guardar um pequeno resíduo dos fragmentos para "recordação".
Aquela testemunha garante que na cauda da luz viu "um rasto de fumo que foi desaparecendo à medida que se aproximava do solo". 
Os bombeiros de Vimioso recolheram alguns vestígios, que serão enviados, hoje, para o Observatório Nacional de Astronomia.


Fonte - JN 

Até ao momento ainda não se obteve qualquer resultado a público das referidas análises.
O seu resultado "caso exista" permanece numa incógnita.

terça-feira, 15 de março de 2016

UFO PORTUGAL Integra Oficialmente o "ESUN"


O Ufo Portugal tem o prazer de informar os nossos leitores, seguidores e aficionados do fenómeno OVNI em Portugal que já nos encontramos nas listas do "ESUN" Official Partner European Space UFO-Network.

O trabalho realizado ao longo dos anos expondo informação, relatos online sem deixar arquivos secretos dentro do próprio grupo, fez despertar atenção de outros investigadores e Sites na comunidade Europeia de investigação OVNI.

O convite visa fazer parte de um grupo onde a verdade é exposta diretamente a público com todo o tipo e variedade de informação sobre o assunto.
Um pequeno grande passo que leva o nome "Portugal" mais além, com o seu reconhecimento sobre fenómenos aéreos não identificados.

Esta será uma forma de estar actualizado com todo o tipo de ocorrência na Europa 24 horas por dia.

segunda-feira, 14 de março de 2016

A arca de Noé não seria uma nave levando DNA?


Faz algum tempo que ouvir sobre essa teoria. Teoria de que a Arca de Noé fosse uma nave levando DNA já que sempre achei impossível que todos os animais da terra caibam em um lugar tão pequeno.
Imaginem o quanto de alimento e água seriam necessários pra cuidar dessa galera e isso devemos pensar que eram poucas pessoas pra cuida-los.

A Bíblia é o livro sagrado do cristianismo, de autores diversos, principalmente judeus, que estariam sob inspiração divina. Conta a história da criação de tudo que existe pelas mãos de Deus, um ser todo poderoso e único.

A ciência é a “arma” que os humanos usam para entender o mundo e tudo a sua volta, através de experimentos e observações, sempre buscando o conhecimento e entendimento das coisas.
Apesar de serem coisas bem diferentes, muitas vezes a ciência e a Bíblia se chocam de frente, pois o livro sagrado conta muitas histórias incompatíveis com o conhecimento científico moderno. Então, quem estará certo?
Nota: Obviamente para muitos a resposta seria o velho “Deus quis assim” ou “esta parte deve ser simbólica", neste texto estaremos analisando do ponto de vista científico, sem tais respostas genéricas. Vamos apenas fazer de conta que estas respostas não são o bastante.
     
Noé e a Arca

Essa é uma das histórias mais famosas de toda a Bíblia, falando sobre uma grande inundação de escala mundial que inundou tudo. Porém, antes dela acontecer, Deus apareceu para Noé e falou algumas coisas para ele:
1
Como Deus dá uma descrição exata de todas as medidas da barca, é fácil imaginar seu tamanho. Só que Deus pede a Noé que leve na barca, por quarenta dias e quarenta noites, os seguintes seres:
2
A grande falha é que nós sabemos que existem, mais ou menos, 8,7 milhões de espécies de animais no mundo todo. Como poderiam caber todos eles em tal barco? Além disso, como os leões não atacariam outros animais? E onde haveria espaço para o alimento necessário para sustentar todos esses seres por 40 dias inteiros?

Vejam as comparações com o Titanic:

Medidas

135 metros de comprimento é um pouco mais do que um campo de futebol e 22 metros de largura é menos da metade da largura de um campo, mas como a arca tinha três andares, podemos dizer que ela tem uma medida de 130 metros por 66, algo que fica próximo de um campo oficial.

Pensando assim, imagine nesse espaço: Um casal de girafas, um de leões, outro de elefantes, outro de hipopótamos, outro de gorilas (além de outras centenas de casais de espécies diferentes de primatas), um casal de cangurus, uma vaca e um boi, um casal de alpacas, um casal de leopardos, milhares de pássaros e mil outros seres (fora o espaço necessário para guardar toda a comida que eles precisam).

Seria possível tal coisa? Existe uma possibilidade de todos esses seres, sendo que apenas uma mínima parte foi citada, viver durante 40 dias nesse lugar?
É fisicamente impossível que todos os seres existentes na Terra, excluindo os aquáticos, caibam em um espaço tão pequeno.

Alimentos e cuidados

Nem só de espaço vivem os animais, eles também precisam de alimentos e cuidados. Na Arca de Noé estavam apenas ele e sua família, contabilizando 8 pessoas.

Digamos que, no melhor do casos, segundo estimativas feitas por religiosos, a Arca tenha carregado “apenas” 2 mil animais, assim cada um dos membros da família teria que cuidar de 250 animais por dia, dando alimentos, jogando as fezes fora, cuidando de possíveis doenças... Se assim fosse, cada animal receberia, mais ou menos, 5 minutos de atenção a cada 24 horas, isso se os membros da família de Noé jamais dormissem.
“Os animais em um zoológico moderno requerem mil e uma pequenas atenções, aparentemente insignificantes, e devemos constantemente nos esforçar para descobrir e sanar suas necessidades.” Explica o Dr. Heinz Hediger do Zurique Zoo.

Em relação aos alimentos, seriam necessárias dezenas de toneladas, pois muitos animais comem bastante, como por exemplo:


Leão:
Necessidade mínima diária: 5 quilos.
Comida necessária para sobreviver a Arca: 400 quilos de carne fresca.

Elefante:
Necessidade mínima diária: 120 quilos de capim e mais 200 litros de água.
Comida necessária para sobreviver a arca: 9600 quilos de feno.

Hipopótamo:
Necessidade mínima diária: 45 quilos de alimento.
Comida necessária para sobreviver a Arca: 3600 quilos.

Gorila:
Necessidade mínima diária: 31 quilos de alimento.
Comida necessária para sobreviver a Arca: 2400 quilos.

Apenas esses quatro casais precisariam de 16 toneladas de alimentos para sobreviverem, minimamente, ao dilúvio. Agora imagine a quantidade de alimentos para alimentar milhares de outros casais de animais. Será que toda essa comida caberia no navio de Noé?

Após a Arca

Outro grande problema causado pelos alimentos é a saída da Arca. Se todos os animais foram mortos, tirando os aquáticos, o que os carnívoros comeriam depois do dilúvio? E os animais que comem plantas, se alimentariam de que? Afinal as plantas, em sua grande maioria, morreriam cobertas de água por tanto tempo.

Ainda existe o problema da distribuição. Como os cangurus iriam até a Austrália? Ou mesmo os coalas? Como os macacos, que só existem na Amazônia, atravessariam o Atlântico e viriam parar aqui? Ou como
Os pinguins conseguiram atravessar todas as terras necessárias para chegarem ao polo? Parece viagem, mas não é não.

Não quero acabar com a fé de ninguém ou fazer acreditar no que foi postado, mas seria legal que todos analisassem bem o conteúdo e deixassem suas opiniões. Grato.
Rondinelli

Parte do texto Minilua





domingo, 13 de março de 2016

Caso Arlindo Santos 1971 "Brasil"

Trecho do programa Globo Repórter - Contatos Imediatos.

Descrição do caso:
O ano era 1971. Um agricultor semi-analfabeto da cidade de Três Corações (MG) chamado Arlindo Gabriel dos Santos saiu para caçar tatu.

Arlindo estava caçando com dois amigos e, quando eles estavam a uns seis quilômetros de distância da sede de sua fazenda, decidiram se separar. Cada qual teria tomado um rumo diferente.

Depois de um pequeno tempo, Arlindo avistou um objeto estranho descer no chão e que, inevitavelmente, o deixou cismado.
Curiosos, decidiu se aproximar para observar melhor o objeto.
Pelas suas descrições, o objeto tinha um formato cilíndrico com 50 centímetros de largura e 1,5 metros de comprimento, uma base circular escura e uma esfera na sua parte superior de cores branca e vermelha.

Arlindo tinha levando uma câmera fotográfica que estava embrulhada em um embornal de pano e, sendo assim, teve a oportunidade de fotografar o objeto por uma vez, até que o mesmo desapareceu inexplicavelmente.
Logo em seguida, desceu um outro objeto que tinha o formato ovóide e com uma haste na sua parte inferior.
Essa haste parecia uma espada e, na parte superior, tinha algo que parecia ser uma espécie de hélice.
Arlindo tirou uma foto do objeto até que o mesmo começou a emitir um ruído e, logo em seguida, se transformado numa névoa – que logo desapareceu.

Depois dessas duas aparições súbitas e seus respectivos desaparecimentos, Arlindo voltou a andar mais um pouco e, de repente, desceu um terceiro objeto. Este tinha a forma de um barril de um metro de altura e era listrado nas cores branco e vermelho.
Este objeto também parecia ter uma espécie de hélice na sua parte superior. Arlindo não hesitou: também fotografou o inusitado aparelho.
Tal qual os dois anteriores, o objeto desapareceu logo em seguida sem que Arlindo pudesse reparar como isso aconteceu.


Arlindo então andou uns dez metros na direção do local onde o objeto estava antes de desaparecer.
Sua intenção era ver se conseguia encontrar alguma coisa que lhe indicasse o que estaria acontecendo e como aqueles objetos teriam sumido.
E é exatamente neste momento que um enorme OVNI com o formato de um ovo e todo branco desce diante de Arlindo – numa distância de apenas um metro. Conforme a descrição da testemunha, o objeto tinha um ruído parecido com o de um motor de carro afogado.
O aparelho tnha no mínimo uns dez metros de diâmetro e uns oito metros de altura e, antes de ele pousar no chão, saiu uma espécie de trem de pouso que consistia em quatro hastes pequeninas – algo como uns seis ou sete centímetros de largura.

Arlindo tentou fotografar este OVNI, porém ele emitiu um feixe de luz na sua direção que provocou uma dor nos seus olhos.
Imediatamente, Arlindo largou todas as suas coisas no chão e saiu correndo, temendo o que poderia acontecer com ele.Para seu desespero, Arlindo mal conseguiu se distanciar uns dez metros do OVNI pois o objeto disparou uma espécie de relâmpago que o atingiu em cheio – Arlindo ficou totalmente paralisado após ser atingido.

Sem compreender o que lhe estava prendendo, Arlindo tentou olhar para trás e viu dois alienígenas que pareciam ser iguais a nós.
Os seres estavam usando roupas que cobriam todo o seu corpo, além de capacetes justos que cobriam quase toda as suas cabeças.
Eles também estavam usando luvas.
Só era possível ver os rostos das criaturas, pois os capacetes tinham vidros transparentes na frente.

Os dois alienígenas foram até Arlindo e o pegaram, sendo que um foi no seu lado direito e o outro do lado esquerdo.
Nesse momento, Arlindo suplicou: “Pelo amor de Deus, me soltem!”.
Neste exato momento ele ouviu uma resposta de um dos alienígenas que, inclusive, mexeu a boca para falar: “Em nome de Deus, nós todos somos irmãos”.

O interessante é que o som não parecia sair de sua boca e sim de uma caixa que estava pendurada nas costas dos alienígenas.
Desta caixa saia uma espécie de tubo que estava conectado no capacete deles.
O outro alienígena falou logo em seguida: “Não fazemos mal a ninguém, apenas queremos uma informação”.
E assim eles levaram Arlindo em direção do OVNI.

Quando chegaram diante da nave, Arlindo pode ver que este tinha uma porta com uma escada de quatro degraus e, ainda, havia outro alienígena parado ali, esperando-os.
Esta criatura perguntou para Arlindo se ele não tinha visto uma “zurca” ali por perto.
Arlindo disse que não e perguntou o que é uma “zurca”.
Então o alienígena explicou que era um aparelho que eles transmitiram de lá para cá.

O ser perguntou para Arlindo se ele “tinha inteligência”.
Arlindo respondeu negativamente ao aparente chefe da nave.
Este então fez um sinal e finalmente os seres pegaram Arlindo e levaram-no para o interior do OVNI ainda quando estava do lado de fora, Arlindo reparou que nas proximidades da porta de entrada da nave a temperatura estava mais baixa que no ambiente do local.
Quando entraram, Arlindo percebeu que a temperatura era bem mais fria que do lado de fora.
Era como se houvesse um ar condicionado no interior da nave.
Outro detalhe interessante é que, além de frio, ele reparou num cheiro que julgou ser parecido com o de poeira.
Além dos três alienígenas que Arlindo viu ainda do lado de fora, dentro da nave havia outros três, sendo que um deles era do sexo feminino.
Ao entrar, imediatamente Arlindo viu outros dois seres que estavam sentados numa espécie de cadeira.
Ambos estavam usando capacetes como os outros.
A impressão que Arlindo teve é que – segundo suas próprias palavras – “eles estariam batendo máquina” (Arlindo comparou a atividade dos tripulantes com datilografia).
Talvez tal julgamento fosse motivado em função do barulho que fazia enquanto os seres estavam mexendo nos dispositivos internos da nave.
No entanto, ao entrarem, logo as criaturas pararam e conversaram com os três que foram lá fora capturar Arlindo. Inclusive ele reparou que eles chacoalhavam a cabeça em alguns momentos.
Arlindo não entendeu absolutamente nada do que os seres alienígenas conversavam entre si.

De repente apareceu uma moça, que teria vindo de outro compartimento do OVNI que não estaria usando capacete.
Ela era loira e de rosto rosado.
Ela estava usando um aparelho no ouvido com o que Arlindo comparou com um “ouvidor de telefone”. Inicialmente, a alienígena conversou com os outros seres, na qual foi impossível para Arlindo entender uma única palavra.
Logo em seguida, a criatura e um dos alienígenas masculinos levaram Arlindo para um outro cômodo da nave, na qual tinha um aparelho parecido com uma geladeira.

A “moça” pegou uma espécie de varinha enquanto o outro ser começou a mexer nos botões deste aparelho que Arlindo comparou com uma geladeira.
O aparelho tinha um monitor e, assim que apareceu uma imagem, a alienígena feminina usava a varinha para apontar para os objetos que apareciam nesse monitor.
Segundo Arlindo, essa criatura aparentemente fêmea começou a explicar detalhes sobre sua civilização, a forma que eles conseguiam vencer as distâncias astronômicas e outras várias informações importantíssimas – que, infelizmente, não foi possível se resgatar nada em seus depoimentos devido a limitação cultural de Arlindo.
Ele não entendeu nada e não se interessou em perguntar para a criatura o que não conseguia entender.
É lógico que Arlindo poderia estar se sentindo intimidado ou mesmo, em função da situação incomum – um seqüestro alienígena – não estava em condição de raciocinar normalmente.

Depois que a criatura lhe passou diversas informações, Arlindo foi levado para o cômodo anterior e percebeu que um dos seres também tinha tirado o capacete. Segundo Arlindo, eles eram muito parecidos conosco, sendo que ele só reparou uma pequena diferença: a testa deles era um pouco diferente – embora Arlindo foi incapaz de dizer exatamente qual era a diferença no sentido anatômico.
Já a boca Arlindo descreveu que parecia um corte com lábios bem fininhos.

Neste momento, as criaturas teriam lhe dito que: “Nós somos da mesma matéria, do mesmo sangue e vivemos o mesmo trabalho”.
Depois disso, Arlindo foi levado para fora da nave e os seres ainda lhe avisaram: “Proteja a vista, que o aparelho condena a vista”.
Os alienígenas conduziram Arlindo até a saída e Arlindo, por sua vez, desceu sozinho as escadas.
O interessante é que Arlindo não conseguiu olhar para traz, pois ele se sentia meio “preso” – um efeito que ele nunca conseguiu explicar.
Talvez isso ainda fosse alguma influência dos extraterrestres sobre Arlindo.

Depois de tudo isso, Arlindo teve de andar de volta um bom “pedaço” até que encontrasse seus dois amigos que tinham ido caçar com ele.
Arlindo se sentia enjoado e com um pouco de tontura – sensações que duraram bastante tempo.
No momento do contato com os alienígenas, Arlindo tinha deixado suas coisas caídas no chão e, quando retornou para procurar, ele acabou não achando nada. Porém reparou que o trem de pouso da nave tinha deixado marcas profundas no terreno.

Logo a notícia de sua experiência com os alienígenas se tornou a grande sensação da cidade de Baependi.
E, inevitavelmente, acabou chegando nos ouvidos da imprensa que deu todo um tratamento sensacionalista ao incidente com manchetes de grande apelo público nos jornais.
Obviamente este caso logo chegou também ao conhecimento do ufólogo Ubirajara Franco Rodrigues, que tratou de entrar em contato com Arlindo Gabriel dos Santos.
Levado até o local onde teria se dado o incidente pelo próprio Arlindo, Ubirajara Rodrigues fez moldes de gesso das marcas do trem de pouso e, ainda, eles acharam o embornal que Arlindo tinha perdido no momento do contato.

A princípio Arlindo ficou em dúvida se aquele era mesmo o seu embornal, pois o mesmo estava com várias figuras desenhadas que pareciam uma espécie de escrita.
O embornal de Arlindo era liso e não tinha qualquer figura pintada nele.
Depois de alguma análise descobriu-se que a linguagem estranha no embornal parciea ser hebraico arcaico.
Como os textos do Pergaminhos do Mar Morto.

Com relação às supostas fotografias obtidas por Arlindo, infelizmente as fotos não mostravam as supostas três sondas que tinham descido antes do pouso da nave tripulada.
Verificado por Ubirajara Franco Rodrigues, a câmera acabou sofrendo uma grave avaria: a chapa interna de proteção do filme estava queimada e coberta de fuligem. É possível que isto tenha acontecido no momento que Arlindo tentou tirar uma fotografia do OVNI e este, por sua vez, emitiu um feixe de luz que acabou lhe paralisando e também, como conseqüência do feixe, estragou sua câmera fotográfica.


A fuligem que cobria a placa interna do sistema de disparo pode ter sido provocada por uma reação química em função de uma exposição ao calor ou uma grande energia luminosa.
Mas sem dúvida, o “ponto alto” deste caso seria as estranhas pinturas do embornal de Arlindo.

OVNI - 2016 -- Filmado a OESTE de Leiria--



Filmado OVNI a OESTE de Leiria
12 de Março 2016
4h 35m

sábado, 12 de março de 2016

Objecto Voador Não Identificado surge sobre uma auto-estrada movimentada na Escócia

A filmagem foi realizada na auto estrada M8, próxima da cidade Edimburgo, umas das vias mais movimentadas da Escócia.


Testemunha conta que as luzes surgiram do nada e tem certeza que não eram avião pela sua forma circular.

O vídeo das luzes foi realizado durante condução na M8, perto de Edimburgo.
As luzes brilhantes aparecem para dar a volta por cima da rotunda Hermiston Gait antes de desaparecerem.

Lee Frame de 32 anos, diz ter certeza que não era um avião: "As luzes não parecem estar se movendo apenas parecia estar fixas no céu.
'Acho que poderia ter ser um OVNI.


Simplesmente não podia acreditar no que eu estava vendo. "
Tem surgido uma onda de avistamentos OVNIs, incluindo um no início deste mês em Perthshire.
John Macdonald, 65, a partir de Dysart, Fife, está convencido de que viu uma nave espacial acima dele a poucos metros de altitude.

O aposentado alegou a aeronave pairou perto da sua casa por alguns minutos antes de desaparecer.

No mês passado Fiona Powell, de 41 anos, residente em Bristol, disse que tinha fotografado um OVNI quando passeava com os seus filhos e amigos na praia de Severn, Bristol.


OVNI ou Meteoro!

Recentemente sobre a Escócia terá sido registado um grande meteoro que assustou de alguma forma vários condutores.
Seria este mais um meteoro!
Tire as suas conclusões com o vídeo abaixo de um Meteoro registado em Aberdeenshire Escócia no Mês de Fevereiro...


A verdade está lá fora

Ovnis na Europa - UFOs Europe Untold Stories Episódio 1

Excelente programa documentado pelo Nathional Geographic



Assistir aos restantes documentários 

quinta-feira, 10 de março de 2016

Ex. Marine dos EUA abre a boca sobre OVNIs após 50 anos "Mais um"


Exército Americano esconde a verdade sobre OVNIs na Baía de Guantánamo' afirma Marine

Um Ex fuzileiro naval dos EUA afirma que a base militar de Guantánamo é um imã para OVNIs, porem todos os militares receberam ordens diretas para nunca falar do assunto fora da Base.

O Marine sem nome veio para a frente 50 anos depois dos incidentes para quebrar o silêncio sobre uma série desconcertante de eventos quandoapresentava serviço na base cubana em 1968 e 1969.

Alegou que ele e os seus colegas regularmente viam OVNIs voando dentro e fora do mar mesmo ao lado de Guantanamo.

O homem também descreveu um evento extraordinário, onde um OVNI azul-luminoso foi diretamente acima dele e de um colega.

O Ex Marine tem testemunhado para a Mutual UFO Network sediada nos Estados Unidos (MUFON), a maior organização do mundo dedicada ao registo e investigação de OVNIs e vida extraterrestre.

Conta que estava de plantão quando viram um OVNI sobre a base, que mais tarde foi usado para abrigar suspeitos de terrorismo islâmico após os ataques de 11 de Setembro ao World Trade Center.

Ele disse: "Todos nós fuzileiros navais fomos surpreendidos com a quantidade de atividade OVNI sobre e em torno da nossa base.

"Praticamente todas as noites OVNIs voavam a cima de nós com altitudes inferiores a 300 pés.

"A maioria destes OVNIs teriam aproximadamente 50 a 100 pés de diâmetro.

Alguns teóricos da conspiração OVNI afirmam que os militares dos EUA se envolveram com seres alienígenas, alguns dos quais se desenvolveram bases submarinas para evitar a deteção pelo público em geral.

Revela o Ex Marine: "Quando eu estava de guarda no lado sul da base, testemunhei durante várias, noites pousos e descolagem de OVNIs sobre o oceano.

"Havia grandes luzes azuis movendo-se no oceano e depois, lentamente, diminuindo para baixo de água."

A testemunha descreveu a sua experiência mais invulgar, como quando estava de guarda ao portão principal.

Conta: "Eram aproximadamente 19:00h estava escuro quando saí da casa da guarda e olho através da cerca quando algo chamou a minha atenção.

Atrás da casada guarda vi uma enorme nuvem branca com tonalidade azul / branco, bebé luz pulsante azul no meio bem por cima de um barraco que ali tinha-mos ".

Pedi a um colega se ele também estava a ver o mesmo que eu, porque o objeto começou a levantar acima do barraco vindo na nossa direção.

O ex-marine disse: "Só então, a torre de observação nos chamou gritando para sairmos dali!

"Era tarde demais porque o OVNI estava agora bem acima de mim e meu parceiro.

"Não havia nenhum barulho, apenas isso… era bonito grande como uma nuvem branca com um / branco e uma luz pulsante azul."

Nunca nos atacou apenas ficamos hipnotizados por vários minutos, até que um Sargento nos ordenou para deixar a área.

Acrescentou: "Nós caminhamos para o quartel, que fica sobre uma colina a cerca de 200 pés de distância, onde pudemos observar de uma distância segura novamente o objeto.

"A inteligência base chegou com um grupo de pessoas que começaram a filmar este OVNI, que durou cerca de três horas antes de passar a oeste para baixo da linha da cerca.

"O OVNI andou cerca de quatrocentos metros, parou por um momento, em seguida, como uma bala, disparou em linha reta no ar até desaparecer.

"Adoraria voltar para lá novamente só para ver se os OVNIs ainda estão aparecendo.

"As datas que eu coloco a baixo é um tiro no escuro, porque isto foi há 50 anos."

O Ex Marine é um dos muitos ex-militares, policias, pilotos, funcionários e até mesmo astronautas a apresentar reivindicações claras existem alienígenas.

No entanto, alguns céticos argumentam que sem evidência corroborando tais como imagens, relatos contemporâneos, ou declarações de outras testemunhas, os investigadores estão a apenas à esquerda com a palavra da testemunha.


Será caso para dizer eles andam ai….  Cada vez mais Ex militares e agentes dos serviços secretos amerivanos vazam informações sobre antigas operações, avistamentos da qual estiveram envolvidos.
Parecendo filmes de fição que aos poucos se nota pela comunidade OVNI que algo está para surgir para breve!

Resta saber até quando as super potencias vão continuar alegar o desconhecimento e envolvimento sobre o fenómeno quando os seus ex operacionais revelam o contrário!

quarta-feira, 9 de março de 2016

OVNIs registados sobre nuvens de tempestade na Escócia


Dois objectos luminosos foram capturados acima de um castelo em Linlithgow na Escócia no início deste mês de Março

Duas formas brilhantes foram observadas no céu cinzento e nublado, da Escócia, durante o fim de semana.

Estas luzes estranhas poderia ser a evidência mais recente de visitantes estrangeiros, se os caçadores de OVNIs assim acreditarem!

Descrito como "entidades brilhantes" os OVNIs foram capturadas a 05 de Março de 2016 passando acima de Blackness Castle, na Escócia.

A foto foi publicada no blog bem conhecido UFO Sightings diário - uma documentação do paranormal e inexplicável.


"Numa das minhas fotos observei dois objetos brilhantes fotografados às 17:25h Greenwich Mean Time", explica o fotógrafo que capturou a imagem.

"Esses objetos apareceram numa das minhas fotos. Blackness Castle está próximo Bonnybridge e o Falkirk Triangle, costuma ser um ponto quente para avistamentos de OVNIs."

De acordo com o fundador do blog, Scott C Waring, UFOs comumente aparecem em nuvens de tempestade e a sua experiência - se movem tão rápido que o olho humano normalmente não vai vê-los.

No entanto, ele acredita que a câmera é capaz de capturar esses objetos inexplicáveis ​​como eles passam.

"Pensa-se que algumas entidades de energia alimentam da eletricidade estática nestas nuvens de tempestade e é por isso que eles se reúnem", escreve ele no blog.

"Quando eles se alimentam, é sempre em grupos, por isso tem que haver pelo menos mais uma dúzia em torno de que a câmera não viu."

Foto original
Ao contrário de muitos outros avistamentos de OVNIs, não há evidências de vídeo para acompanhar esta imagem - então não há nenhuma forma de dizer como os objetos se moviam ou o quão rápido eram!

Cientista militar dos EUA fala sobre encontro com OVNI


Um cientista que trabalha para o Departamento de Defesa dos EUA, tornou-se um dos militares de alta patente atuais e antigos a quebrar o gelo sobre extraterrestres e OVNIs.

Especialista em eletromagnética e sistemas laser do departamento de Defesa dos EUA, pediu para ficar anónimo de forma a proteger a sua carreira, afirma ter visto um OVNI em Ontário, Canadá, durante uma viagem de caça.

O homem deu uma entrevista de 40 minutos com a Rede Mutual UFO (MUFON), a maior organização de investigação OVNI do mundo.

Relata que fazia parte de uma equipe de três caçadores na viagem realizada a 28 de Agosto de 2013, cerca das 21:40h, quando o "OVNI" foi observado a 400 pés deles por cerca de seis minutos.

Os outros dois homens optaram também por não ser identificados.

Numa entrevista em vídeo para MUFON, conta: "conduzíamos por uma estrada secundária para a estrada principal, quando houve este objecto a baixa altitude o suficiente para vê-lo através do pára-brisas.

"Eu diria que foi a mais elevada de 150 a 175 pés de altitude.


"Peguei na minha carabina e coloquei de fora apoiada sobre a janela da viatura para melhor observar o OVNI através da mira telescopia."

Descreveu o objecto com um "brilho intenso" emitindo tanta intensidade da luz como a iluminação de um estádio.

Ele disse: "Tenho estado envolvido em sistemas operacionais no passado e isto foi uma luz coerente, muito forte para os olhos para se olhar, como olhar para um laser que tinha sido passado através de uma classificação em fração de ou algo desse natureza!

"Não foi um laser focado, era um laser desfocado.

"Uma das testemunhas ao meu lado, disse 'o que é isso?' o outro disse apenas para disparar, respondi que não pode atirar em algo que não posso identificar. "

Afirma que fez várias anotações mentais sobre o objecto, a estimativa era de 170 pés de comprimento, 20 a 21 pés de espessura, com um diâmetro exterior de cerca de 60 pés.

"Parecia como se fosse feita de uma peça forjada de mercúrio, absolutamente sem linhas sem rebites.

"Tentei procurar qualquer coisa que pudesse identificar num avião, estava à procura de linhas na fuselagem que indicaria um equipamento de porta ou algo que pudesse identificar."

A testemunha afirmou que durante a maior parte da experiência as câmeras não funcionaram, mas que, depois do objecto se afastar a um quarto de milha ou mais, as câmeras começaram a trabalhar!

Ele disse que eles foram capazes de gravar uma assinatura eletromagnética a partir dele.

Mas o homem não está reivindicando foi definitivamente uma nave alienígena.

Ele acredita que poderia facilmente ser uma tecnologia ultra-secreta criada por departamentos governamentais na Terra.


Alerta qualquer pessoa que tenha visto um objecto semelhante, ou qualquer cientistas avançados com conhecimento de sistemas de geração de campo e frequência de rádio de alta frequência.

Ele disse: "A principal razão para eu estar fazendo isto é porque estou à procura de ajuda para descobrir como este veículo voou."

O caso está sendo investigado pelo ramo MUFON em Indiana, EUA.

Fonte

Ex agente "MOD" Britânico quebra silêncio após 30 anos (OVNI)


Ex agente do MOD quebra o silêncio após 27 anos, de um avistamento bizarro de um OVNI sobre uma base de mísseis nucleares que alega ter sido encoberto.

Na época não foi divulgado, porque podia ser acusado de violar a Lei de Segredos Oficiais, resolvendo abrir o jogo após uma recente observação que lhe deu coragem para falar do que viu e foi encoberto.

Foto de Vanessa Cloete 
O homem, agora com 70 anos, veio para a frente depois de Vanessa Cloete revelar uma foto que ela tirou de um suposto OVNI pairando sobre a área de Charnham Parque de Hungerford em Berkshire Inglaterra.

O ex-Agente afirmou que ele e um colega testemunharam o mesmo tipo de objeto que voava baixo em relação a eles acima de Greenham sobre silos comuns de mísseis nucleares numa noite no final de 1980.

Greenham Common, famosa pelos seus protestos anti-nucleares, foi utilizado pela RAF e Força Aérea dos EUA, sendo fechada em 1993, após a Guerra Fria.

O homem afirma que o fizeram assinar um documento sobre a Lei de Segredos Oficiais e para nunca discutir o evento segundo um "Men in Black" que o fez manter sigilo.

"Quero que as pessoas em Hungerford e Lambourn saibam que não estamos sozinhos e que acredito nelas."


sexta-feira, 4 de março de 2016

- OVNIS - Leiria - Portugal - Dois Objetos Captados a Este



Dois Objetos Captados a Este esta noite e madrugada
                 dia  03 e 04 de Março 2016
                          19h 45m  e  5h 35m

quarta-feira, 2 de março de 2016